ESTRADA PARA O MUNDO – Rainbow Mountain

Veja mais posts do ESTRADA PARA O MUNDO >>>>

02_RainbowAntes de começar, a montanha ainda pouco explorada tem vários nomes, Vinicuña Mountain, Rainbow Mountain, Cerro Colorado e ainda Cerro 7 Colores.

A PRIMEIRA PERGUNTA IMPORTANTE É, COMO CHEGAR? – De carro, saímos dos arredores do Valle de Colca e fomos até Pitumarca (ultima cidade desenvolvida antes do início da trilha), onde perguntamos sobre o caminho. O trajeto dá aproximadamente 30 km e dura algo como 1,5 horas. Muitas paisagens fantásticas circundam o caminho, assim como a perigosa ruta que leva até lá, uma parte com um grande precipício e uma única faixa, o que os motoristas peruanos utilizam como uma autobahn alemã. Bom se for de carro, muita muita atenção, fora isso não tem como errar, já que é a única estrada e o final dela encontra-se a o pé da trilha. SE QUISER EXPLORAR O RAINBOW MOUNTAIN DE CARRO, AQUI ESTÃO AS COORDENADAS GPS PARA O CAMPO BASE: -13.867871, -71.303058

Já quem estiver mochilando, há duas opções:
1) Fazer um tour partindo do Cusco (custos variam absurdamente entre $90 Soles e 150 USD). 2) A outra opção é pegar um ônibus local até Pitumarca e tomar umas das vans turísticas por $10 soles ou um serviço de moto, perguntamos só por curiosidade e o primeiro preço foi $25 soles, então certamente da pra negociar.

05b_RainbowA SEGUNDA PERGUNTA É, ONDE DORMIR? – O tour de van é corrido, mas se tiver mochilando da pra rolar. Viajando de carro há muito mais opções, a paisagem é lindíssima, existe um rio que corre todo o percurso, qual também é possível pescar truchas. Além disso, há vários povoados super pequenos e seguros no caminho entre Pitumarca e o acampamento que oferecem hospedagem na casas de seus habitantes, além de poder fazer wild camping em realmente qualquer lugar.

Em nosso caso, achamos um lugar para acampar no pequeno povoado de Japura (coordenadas GPS: -13.94472 -71.27901) onde nós tívemos a possibilidade de conhecer as crianças de uma familia próxima, alias, lá conhecemos nosso jovem guia, Abraham de 9 anos (em breve um post exclusivo sobre essa história) e aclimatizar-se na altitude (a casa deles fica a 4100mt). Se você optar pelo tour, normalmente é um passeio de um dia, partindo em Cusco as 3 ou 4 hrs de manha e retornando as 7 ou 8 hrs a noite.

A TRILHA E A POUCA CONHECIDA VINICUÑA MOUNTAIN – Primeira reação: Uauuuuuuuu!!! O cerro de 7 colores (Vinicuña Mountain) é uma pintura (sério)… Uma das imagens que seguramente não sairá da sua memória. Foi um dos lugares mais lindos que ja vi na vida. Como falei no inicio, conhecemos o pequeno Abraham de 9 anos, que nasceu e num povoado a 11km do pe da trilha um dia antes, . Ele já esperto, mesmo envergonhado, ofereceu seu serviço de guia-mirim. Como o sonho dele é ser guia de montanha, acolhemos esse sentimento, até porque, alem do incentivo, o dinheiro também ajudaria sua familia ou então a poupança pra comprar a tão sonhada bicicleta que ele quer.

06_RainbowAssim, que nosso guia-mirim nos despertou as 6h da manha, tomamos um cafe da manhã com ele e os irmãos. A trilha tem 7 km em total (ida e volta) o terreno é bem regular, o único problema mesmo é a altitude, há opções de subir e descer com mulas, qual  custa entre 50 e 80 Soles (apesar que existem pessoas alugando em alguns pontos, então o preço pode cair). A trilha vai de 4300mt a 5200mt. O cenário é único e incrível, no caminho voce pode avistar o Ausangate, uma montanha nevada que fica a uns 3km. Uma outra coisa que nos deixou impressionados e positivamente foi a preservação do lugar. Parece que as pessoas não mudaram ainda o estilo da vida, não há electricidade, nem mercados, nada. Agora a maior motivação. Se voce não terminar a trilha, não consegue ver nem um milímetro do cerro, pois, somente nos últimos 5 metros voce tem a visão. Interessante, muito interessante.

DICAS:
1) A nossa dica principal é adaptação previa da altitude. Nem pense em sair do Brasil ou Alemanha e querer fazer direto, os efeitos podem ser bem sérios, uma coisa é estar no Chacaltaya dentro de uma van e gritar uhuuuu, outra é caminhar 5h nessa altitude, então não de uma de Super-Homem, vai dar merda rsrs… Vimos muitas pessoas que mesmo subindo a cavalo passaram muito mal.
2) Leve no mínimo 2,5 litros de agua por pessoa.
3) Mesmo com o frio que faz e com o super vento no cume, use um bom protetor solar.
4) Comece a trilha cedo por duas causas: 1) menos pessoas, 2) o sol ainda não é tão forte.
5) Como não há estrutura no local, leve seu alimento.

Sobre ESTRADA PARA O MUNDO – Claudia e Ederson
Pilotado pela alemã Claudia Schweizer e o brasileiro Ederson Sarmento, o projeto prevê além de um roteiro global anti-horário, a possibilidade de embarque de caronas para participação em pequenos roteiros durante a viagem. Apaixonados por cultura, esportes e culinária, o casal rodará numa Land Rover Defender, adaptada para as funções de casa, cozinha e sala de visita à amigos e viajantes.
  estradaparaomundo.com.br/        /estradaparaomundo      /estradaparaomundo/    /estradaparaomundo

Deixe uma resposta