NOVOS OLHOS – Cruzando o Deserto do Atacama

Veja mais posts do NOVOS OLHOS  >>>>

384_Atacama_960Subimos o Chile pela costa. O trajeto Santiago-Antofagasta foi feito em 5 dias onde conhecemos várias praias: Tongoy, Bahia Inglesa, La Serena, o parque Nacional Pan de Azucar. etc Águas frias e paisagens lindas marcaram este longo trecho. Acampamos todas as noites e aproveitamos para testar a nossa nova aquisição, uma barraca Kelty de chão. Ela serve para acamparmos em dias de muito vento, chuva ou em campings quando queremos ter o carro livre. Nestas condições ela acaba sendo mais prática (mas menos confortável) que a barraca de teto.

Antofagasta nos lembrou muito Florianópolis. A cidade que vive em torno da mineração de cobre é vibrante e tem de tudo. Este trecho do litoral já pertenceu a Bolívia, assim como o Acre no Brasil, mas foi perdido para o Chile na Guerra do Pacífico Estimasse que há cobre na região por mais 50 anos, o que se torna um drama para a cidade cuja a economia depende inteiramente do minério. Ficamos ali 3 dias, na primeira noite acampamos na avenida costaneira bem em frente a uma base do exército e, apesar do trânsito intenso tanto de automóveis quanto de perdestes, nos sentimos seguros com tanta metralhadora e tanques de guerra em nossa volta. Na segunda noite recebemos o convite do Jorge e da Alejandra para passarmos a noite na casa deles. Assim como nós eles são adventistas do sétimo dia e também podemos nos alimentar espiritualmente juntos.

393_AtacamaCheios de expectativas chegamos em San Pedro de Atacama a noite e fomos diretamente para o Hotel Tambillo. O estabelecimento é super bacana e fica praticamente no centro da cidade. Havíamos trocado duas noites de hospedagem por fotografias do hotel. Para a Jane foi a cidade mais interessante até agora, rústica com suas casas de adobe, mas ao mesmo tempo sofisticado. Optamos por fazer apenas dois passeios pagos pois tudo é muito caro na região. Fomos aos lindos lagos altiplanos e a Laguna Cejar, que devido ao alto teor de sal não permite que afundemos, tal qual o mar morto em Israel. Ficamos um total de 5 dias vivenciando a cidade.

Fizemos wild camping duas noites e na última fomos a um camping estruturado para juntar-nos com o Linho e a Vanessa do Avoltaaomundo / Caçadores de Sonhos que também estão dando a volta ao mundo. Foi um encontro muito bacana e divertido.

A travessia do deserto altiplanico entre San Pedro de Atacama-Chile a Alota-Bolívia foi a coisa mais louca que fizemos até agora. Sem muita informação sobre a travessia nos jogamos na estrada. Foram dois dias passando por “estradas” terríveis, travessia de rios, desfiladeiros e muita, mas muita, “costelinha” no caminho. O pagamento para todo este sacrifício foi o cenário, montanhas de todas as cores, lagos verdes, brancos e vermelhas, flamingos, formações rochosas quase alienígenas, um espetáculo inesquecível. Passamos dos 5000 mts de altitude, dormimos em um refúgio a mais de 4.000 mts e tirando um pouco de desconforto e falta de ar todos passaram relativamente bem, incluindo o Urso que não se entregou a altitude, perdeu um pouco de potência, mas nos surpreendeu e encarou o terrível caminho sem reclamar.

Sobre NOVOS OLHOS
Uma aventura de carro pelos 5 continentes onde faremos do mundo a sala de aula de nossos filhos.
  www.novosolhos.org
   /novosolhos

7 thoughts on “NOVOS OLHOS – Cruzando o Deserto do Atacama

  1. Overlander Post author

    Hola Freddy! Cada vehículo tiene sus ventajas. . . es hasta que usted los enumera y ver cuál se adapta mejor a su estilo de viaje y sus necesidades! Pero, sin duda, se puede viajar en cualquier coche, sólo tiene que tener la voluntad y la actitud correcta que sin duda tendrá éxito! Buen viaje! = )

    Reply
  2. Freddy

    Asi es. Vere por cual declas dos opciones voy. Creo quecla Bandeirantes mecanicamente puede ser mas confiable. La suya que año es?

    Reply
  3. Novos Olhos

    Hola Freddy! Não temos experiência nenhuma com as Defenders, mas é um baita carro, muito utilizado para expedições. Estamos viajando a 8 meses com a nossa Band e estamos curtindo bastante. A escolha do carro é muito pessoal Feddy, vai da disponibilidade financeira, do tipo de aventura que se quer ter, da comodidade que se quer ter, etc….mas uma coisa é certa, uma viagem longa exige bastante de qualquer carro. Abs e boas aventuras!!

    Reply
  4. zappegab

    To bem louco pra sair com meus filhos, um de 2 e uma de 4, como foi ou come esta sendo a experiencia de vocês com as crianças?

    Reply

Deixe uma resposta