TOTALMENTE DIFERENTE – Mongol Rally (Parte 1)

Veja esta matéria na íntegra na Edição #2 da REVISTA OVERLANDER  ou Parte 2 aqui ou Parte 3 aqui

Foi aos 14 anos de idade que vi imagens de uma paisagem que jamais esqueceria, as estepes da Mongólia. Slide após slide, um viajante alemão exibiu em meu colégio sua aventura pelas terras de Gengis Khan. Foi emocionante e inesquecível!

001_mongol_rally

Clemente Gauer

Aquelas imagens me marcaram para o resto da vida! A questão sempre foi como chegar à Mongólia. Uma viagem solo certamente não caberia no meu orçamento, logo as estepes mongóis permaneciam um sonho bastante distante. Foi então em meados de 2004 que descobri um time de ingleses loucos que decidira comprar uma série de carros velhos e baratos e assim, sem mais nem menos, zarpariam de Londres com o objetivo de chegar até Ulan Bator, a capital da Mongólia. Eles atravessariam 13.000 quilômetros por mais de 10 países. Aquela notícia foi contagiante!

Os intrépidos ingleses definiam algumas regras:

  • O resultado da viagem seria levantar fundos para uma instituição de caridade
  • O carro deve ser uma porcaria, na iminência de ser reciclado
  • Seu valor não deveria ultrapassar 1.000 libras
  • O motor não pode ser maior que 1.2 L
  • Não existe rota fixa nem vencedor.
003_mongol_rally

Quanto mais devagar melhor, e perder-se é legal Nasceu dessa forma o Mongol Rally, aventura que desde então repete-se anualmente. Por anos eu buscava companhia para essa aventura. Meus grandes amigos aventureiros não dispunham do tempo necessário. O sonho fiava cada vez mais distante. Mas foi num encontro de donos de Land Rover que conheci em pessoa uma grande alma das aventuras, tanto terrestres quanto aéreas, o Gerard Moss. Em comum tínhamos alguns amigos e muitos interesses, e 15 minutos após nos conhecer, brincamos:

“Vamos ligar para o Dietrich e o convidar para o Mongol Rally?”

Assim fiemos! Nosso amigo em comum, o Dietrich Batista, não pensou duas vezes:

“Vamos!”.

Estava então formado o time. Três loucos por engenharia e viagens.

004_mongol_rally

Começamos então os preparos. Decidimos que o carro seria um Citroën 2CV, boa suspensão, motor simples, econômico e charmoso, mas concluímos que 23 HP vindos de um motor 0.6 L não seriam suficientes paa o trio. Encontramos o Citroën Ami, um simpático 2CV anabolizado, porém infelizmente o carro virou um cult e não cabia no nosso orçamento.

Pesquisando outros modelos, deparamos com o Citroën GS com um motorzinho 1.2 L refrigerado a ar, à moda Volkswagen Fusca, algo excelente para uma aventura desse porte. Também ostentava a maravilhosa suspensão hidropneumática, que exerceria papel fundamental na viagem – preservar o carro das terríveis estradas de terra, repletas de costelas de vaca que literalmente desmontam todos os carros que se aventuram a atravessar o país.

005_mongol_rally

Após muita busca, o Dietrich localizou no sul da França um Citroën GSA Break 1981 cor verde já muito desbotado. Bem cuidado, o carro nos surpreendeu desde o primeiro dia. Investimos ainda algum dinheiro em sua manutenção: compramos uma sucata de outro GS para instalar um câmbio cujas marchas engatavam sem arranhar. E assim, com a ajuda de um piloto e mecânico da fórmula Ford – o Bernard, nos reunimos em Paris no dia 15 de julho de 2015 para dirigirmos juntos até a largada no lendário autódromo de Goodwood, na Inglaterra, no dia 19.

Faltava-nos ainda os patrocinadores para levantar o fundo fianceiro para a instituição que seria beneficiada om o rali. Sim, cada carro deve doar por meio de patrocínio 1.000 libras esterlinas. Neste ano foi escolhida a Cool Earth. Não tardou muito para encontrarmos dois grandes patrocinadores. O Nelson Piquet, representando a Autotrac, empresa líder no rastreamento de frotas e a Curtlo, fabricante nacional de roupas esportivas.

012_mongol_rally

Veja esta matéria na íntegra na Edição #2 da REVISTA OVERLANDER  ou Parte 2 aqui ou Parte 3 aqui

Ediçao #6 Chegou

01d_SingleMag_500_sidebar_site

Melhores Preços na Loja Overlander

01-SideBarAd_50

Coleção Overlander

07_Bothitems_home

Conheça os Livros

01a_DayTrippers_SidebarAd
01_Capa_500-sidebar
02_CYD_APM_sidebar
03_CYD_BPT_Sidebar
Livro_standing_3D_shadow_sidebar

Deixe uma resposta