VIAJANDO EM FAMÍLIA – Na Estrada com Filhos (Parte 2)

Veja esta matéria na íntegra na Edição #2 da REVISTA OVERLANDER  ou Parte 1 aqui ou Parte 3 aqui 

Três famílias, distintas, compartilham um pouco de suas experiências. Uma acaba de partir, outra está no meio de sua jornada e a terceira já quase terminando uma grande aventura.

Leia a segunda . . .

018_novos_olhos

OUTRAS PRIORIDADES – Novos Olhos

Guto Oliveira & Jane Martins

“Um dia faremos uma viagem maior, em que não precisaremos arrumar as coisas para voltar para casa.”

Foi com esta frase do Guto que nos despedimos de Garopaba, nossa última parada antes de chegarmos em casa, após uma viagem de 12 dias e mais de 5.000 km que fiemos com o Urso de Paraty a Novo Hamburgo, no Rio Grande do Sul. Passado um ano, estamos em Punta del Este, no Uruguai, arrumando novamente as malas, desta vez não mais para voltarmos para casa mas sim para alcançarmos nosso próximo destino, que é Montevidéu.

014_novos_olhos

A INCERTEZA DO AMANHÃ

Há poucos dias fechamos o primeiro mês desta nova experiência vivencial pelo mundo e cada dia tem sido único, um muito diferente do outro. Já acampamos, fiamos em hotel, hostel, apartamento de luxo e quarto de hóspede. Já tomamos banho gelado em dias frios, já fiamos sem banho. Já quase perdemos o Caio, que saiu de onde estávamos sem nos avisar. A Sophia caiu na praia e molhou toda a sua roupa em um dia frio. A maioria das coisas que planejamos não aconteceu como imaginávamos, mas as coisas certas, aconteceram na hora certa e do jeito certo.

Estamos nos sentindo muito mais íntimos uns dos outros, muito mais conectados e parceiros. A sensação de olhar para a incerteza do amanhã é muito animadora. Devido à rotina, tudo era muito previsível em nosso ritmo de vida anterior. Agora não, não temos ideia sobre o que o amanhã nos reserva, tudo é novo, tudo é aprendizado.

015_novos_olhos

UM NOVO OLHAR

O nome do projeto vem de uma frase de Marcel Proust: “A verdadeira viagem de descobrimento não consiste em procurar novas paisagens, e sim em ter novos olhos”. Sempre viajamos bastante e curtimos muitos lugares legais. Mas sempre voltamos com uma sensação estranha, de como se tivéssemos apenas usado os locais por onde passamos e as pessoas com as quais nos relacionamos. Queríamos ser parte daquele cotidiano, ter trocas mais genuínas e mostrar para nossos filhos que nossa ealidade, nossas referências e valores não são absolutos, que há muito o que aprender e descobrir com pessoas e culturas diferentes. Difícil fazer isso em férias de 15 dias, precisávamos de mais tempo.

017_novos_olhos

SOLTANDO AS AMARRASO

Colocamos muita coisa em jogo para tomar a decisão de soltarmos as amarras e partir. Houve muita preparação e muito planejamento para que esta decisão não trouxesse problemas para o nosso futuro e o das crianças. Há muita gente “chutando o balde” para buscar a felicidade em uma viagem, uma glamourização juvenil e às vezes vazia do tema. Este não é o nosso caso. Decidimos encerrar um ciclo de vida dedicado aos negócios e a geração para um novo ciclo em que queremos nos dedicar mais a nossa vida espiritual, nossa relação, à formação de nossos filhos e à busa por um novo olhar.

DCIM100GOPROGOPR0088.

O URUGUAI

O Uruguai tem nos surpreendido. Achamos que seria uma rápida passada em nosso caminho para Ushuaia, mas acabamos fiando bem mais tempo do que o planejado, pois o país tem muito a oferecer. À medida que íamos avançando no território uruguaio íamos descobrindo novas paisagens e conhecendo diversos personagens e suas histórias. Conhecemos um casal de namorados da Alemanha que havia acabado de fializar o ensino médio, mas que como não tinham certeza sobre o que fariam da vida planejaram um mochilão de um ano pela América do Sul. Também conhecemos uma jovem espanhola que estava fazendo um estágio de três meses em uma escola libertária na pequena La Paloma, onde as próprias crianças definiam o que eria feito na escola. Nosso ritmo é este mesmo, o slow travel, pois queremos uma imersão cultural real. Queremos entender os contextos e as dinâmicas dos locais onde estivermos e entender que valores as pessoas cultivam e o que é importante para elas.

016_novos_olhos

O URSO

A escolha do carro foi fácil. O Urso, um Toyota Bandeirante 1993, já fazia parte de nossa família e após receber um belo trato fiou pronto para a jornada. Colocamos barraca de teto, toldo lateral e traseiro, guincho, tanque de combustível maior, tanque de água para uso geral e tanque de água potável, baterias robustas, geladeira, faróis de LED etc. É o carro ideal? Não sabemos se existe um carro ideal para uma aventura deste tipo, mas até agora o Urso tem cumprido seu papel. Pensamos que em nosso caso um carro pequeno seria o ideal, pois nos deixaria mais expostos e tornaria o contato com os povos locais mais acessível. Também pensamos que um carro 100% analógico e de mecânica simples facilitaria nossa vida no caso de consertos e manutenção. É um carro que as crianças adoram!

021_novos_olhos

ESTUDO NA ESTRADA

O estudo das crianças tem sido a parte mais interessante. Se nossa casa se tornou pequena, o nosso pátio se tornou gigante, do tamanho do mundo, assim como a escola das crianças. A Sophia, com 5 anos, ainda não está em idade escolar. O Caio estudou em uma escola convencional até agosto de 2015, quando optamos pela prática do unschooling. Nós o matriculamos em uma escola espanhola chamada Clonlara, que trata da parte burocrática. Os conteúdos são definidos por nós, om base na grade curricular normal (alfabetização, matemática etc.), e temperados com aulas das mais variadas, desde interpretação artística analisando as obras de Vilaró na Casapueblo, até aulas de international trading dentro de um porto no Uruguai, vendo os contêineres  entrarem e saírem dos navios. As crianças adoram as aulas de história e geografia eitas em cima do Google Earth que está instalado em seus iPads. Temos a convicção de que nossa decisão de levá-los para enxergar o mundo com seus próprios olhos vai fazer deles adultos mais preparados e pessoas que farão a diferença onde estiverem.

019_novos_olhos

EMPREENDENDO

Além de ser a realização de um sonho e a oportunidade de uma melhor educação para nossos filhos, enaramos o projeto Novos Olhos como um empreendimento e estamos focados em descobrir as melhores maneiras de torná-lo economicamente sustentável. Temos vários parceiros e um patrocinador que nos dá um orçamento anual e não deixa as crianças descalças. Em termos de trabalho, mantemos um negócio de comércio exterior no Brasil, mas temos desenvolvido várias novas funções em que pretendemos nos especializar: professor, fotógrafo, cinegrafista, dietor e editor de foto/vídeo, gerador de conteúdo e escritor.

020_novos_olhos

Veja esta matéria na íntegra na Edição #2 da REVISTA OVERLANDER  ou Parte 1 aqui ou Parte 3 aqui 

Ediçao #6 Chegou

01d_SingleMag_500_sidebar_site

Melhores Preços na Loja Overlander

01-SideBarAd_50

Coleção Overlander

07_Bothitems_home

Conheça os Livros

01_Capa_500x385
01a_DayTrippers_SidebarAd
01_Capa_500-sidebar
02_CYD_APM_sidebar
03_CYD_BPT_Sidebar
Livro_standing_3D_shadow_sidebar
01a_Capa_livro_ViajologoExi_500x385
02a_Capa_livro_ViajologoExi_500x385
03a_Capa_livro_ViajologoExi_500x385
04a_Capa_livro_ViajologoExi_500x385

Deixe uma resposta